• Nutrinha

Suco detox: pra que e por que?

Suco detox não é mais novidade há teeeempos, né? E mesmo assim muitas dúvidas surgem quando o papo é esse líquido sagrado – ou quase isso. No último mês a gente falou bastante sobre detox e é claro, não podíamos deixar o suco de fora dessa. O mais importante sobre o suco, seja ele detox ou não, é entender que ele sozinho não vai salvar a sua vida, não vai te emagrecer 5kg em uma semana e também não vai limpar milagrosamente o seu fígado.

Ele pode ajudar? Pode! Tem benefícios à saúde? É claro! Mas como sempre gosto de frizar aqui: não existe alimento milagroso.

Com componentes que favorecem a limpeza hepática (veja bem, favorece, não faz nada sozinho!) e intensificam a eliminação de algumas toxinas que podem sobrecarregar o nosso organismo, o suco detox ganhou o coração de muita gente. Isso porque ele ajuda o órgão mais importante do nosso corpo no processo de detoxificação, também conhecido por detox, que é o fígado. Ele é quem pega as toxinas que entramos em contato no dia a dia, como ar poluído, alimentos contaminados com agrotóxicos e com aditivos alimentares, e transforma em substâncias que são eliminadas pela urina, fezes e pela bile. Esse processo pode ser um ponto positivo no emagrecimento e na melhora de alguns sintomas. Mas novamente: a alimentação como um todo deve ser levada em conta!

Enxaqueca, concentração, cansaço, sono, humor, digestão, funcionamento intestinal e TPM são alguns dos sintomas que podem ser melhorados com o processo de detox. Além ,é claro, da redução do peso e de medidas como consequência de uma alimentação mais limpa. O suco em si é uma ótima opção para substituir o café da manhã, momento em que quebramos um jejum mais prolongado e estamos prontos para absorção máxima de nutrientes. Mas não precisa ser verde não, pode ter outras cores e diversos ingredientes, viu? E se quiser consumir em outro horário, pode? Claro! Pode ser que pra você, outro horário seja mais adequado. Chama tua nutri pra te ajudar nessa! 🙂

O suco verde é rico em clorofila, presente em alimentos verdes escuros e importantes para o fortalecimento e proteção das células de defesa do corpo humano, tem poder de reduzir inflamações, além de combater radicais livres. É interessante que esteja presente mas não é obrigatório. Você pode optar por outros ingredientes antioxidantes que também possuem esse papel, como: frutas cítricas (maracujá, morango, abacaxi, limão, kiwi), especiarias (açafrão, gengibre, canela, pimenta), alguns chás (chá verde, chá preto, chá branco, chá vermelho), legumes (abóbora, beterraba, brócolis, cenoura) e por aí vai!

Deu pra perceber que a variedade de produtos na hora de montar um suco detox é enorme, né? Lembre sempre de escolher produtos orgânicos, livres de qualquer veneno! A tua nutri pode te orientar na hora da melhor escolha e melhores combinações, de acordo com tua rotina e teu objetivo. Tenha ele como seu aliado e não como santo milagreiro, que aí tudo vai dar certo!

Nos vemos na próxima!

Um beijo

#detox #sucodetox #sucoverde

Siga

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

​© 2019 E AGORA, NUNTRINHA? - PORTO ALEGRE, RS l BRASIL