• Nutrinha

Não-vegetariana num restaurante vegetariano

Sim, às vezes a gente tem dessas. Quer experimentar algo diferente, algo que não é padrão pra própria rotina. Moro na Zona Sul de Porto Alegre, região que tem crescido muito nos últimos anos na cidade e vem ganhando ainda mais opções de entretenimento e gastronomia. Shopping abrindo, restaurantes renomados, diferentes, legais chegando por aqui.

Como de costume, na Zona Sul se anda muito a pé, às vezes confesso que me sinto na praia, uma liberdade (porém ameaçada pela situação de segurança da cidade/país) incrível, ar puro, bem diferente do centro e das outras regiões. Estava procurando por um restaurante pra ir almoçar com a minha mãe, também não vegetariana mas muito saudável na alimentação. Achamos numa rua estreita, um lugarzinho pequeno, mas que de longe já vimos um charme diferente. Lá dizia, restaurante vegetariano. Ficamos curiosas e resolvemos apostar!

O local é dividido com um estúdio de yoga, o que torna tudo mais coeso. Entramos e tudo muito impecável, não de chique ou fino, mas de charme. Só por isso, a opção diferente, já tinha me ganhado.

Lá eles servem “prato do dia” pro almoço, ou seja, uma sequencia pré definida a cada dia. No nosso dia, era:

  1. entrada: salada mix de folhas com maionese de manjericão

  2. bebida: chá gelado de cravo

  3. prato principal: arroz cateto integral, cumbuca de grão de bico, torta de palmito, berinjela grelhada e palito salteado.

Só de falar não dá pra ter ideia do que foi o prato, por isso, eu tirei uma foto que descreve tudo!


Eu confesso não sou muito do palmito, por isso, a torta me surpreendeu. Porque tinha todo um sabor e textura, incrível! Mas do que tinha no prato, ele foi o que eu menos gostei (pra vcs verem).

O que eu achei muito legal, foi a apresentação da berinjela, que simulava uma rodela de filé com molho em cima e enganava muito bem quando colocada na boca. Ficou realmente muito incrível! Eu que adoro berinjela, nunca tinha provado ela nessa apresentação.

Os palitos salteados eram beterraba, cenoura e outros legumes em palitos. Meu voto ficou pra cenoura e beterraba, que são os que eu mais gosto.

Arroz é arroz, né? Me nego a dar opinião! Hahahaha.

Pra quem não costuma comer arroz integral, pode achar um pouco estranho mas pra quem já come, como eu, já consegue ver sabor até no arroz!

Além de toda delicia que estava tudo, tem quatro coisas bem legais pra compartilhar. Um: eles servem em três tamanhos, conforme a sua fome. Reduzido, normal e reforçado. O que pra quem come pouco ou muito faz muita diferença! Dois: a apresentação e explicação de tudo, é de excelência! Três: eles tem opções de janta e de congelados, o que pode ajudar e muito na dieta. Quatro: têm opções veganas também, pra quem gostar.

Ah, e um segredinho básico pra nutrinha não ouvir: as sobremesas são incríveis! Deliciosas e super diferentes.

O nome do lugar é Nataraj. É um restaurante vegetariano de Porto Alegre e fica na Rua Iete, na Zona Sul.

Olha, me convidem, volto lá fácil! Vegetariano, aprovado!

0 visualização

Siga

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

​© 2019 E AGORA, NUNTRINHA? - PORTO ALEGRE, RS l BRASIL