• Nutrinha

A importância de entender rótulos

Eu bato muito na tecla do conhecimento com meus pacientes. Sem entender os alimentos, suas propriedades, a que grupo pertencem e porque são importantes, não conseguimos fazer escolher assertivas no dia-a-dia. A nossa saúde depende da qualidade dos alimentos que ingerimos, certo? O rótulos dos alimentos dá ao consumidor o acesso às informações nutricionais e aos parâmetro indicativos de segurança e qualidade. Essa informação deve atender às exigências da legislação o que acaba impulsionando as indústrias de alimentos na melhora nutricional de seus produtos, já que a composição declarada na embalagem pode influenciar o consumidor quanto a sua aquisição.

Portanto, a rotulagem nutricional tornou-se importante por possibilitar o consumidor a decidir quais os alimentos são mais adequados e comprar aquele alimento conforme sua necessidade nutricional. Para não ficar com tantas dúvidas sobre as informações nutricionais da embalagens, vamos entender um pouco sobre o significado dos itens obrigatoriamente presentes na tabela nutricional do rótulo dos alimentos?

Primeiro vamos entender:

1- Porção: toda tabela nutricional é descrita em relação a uma quantidade definida em gramas ou mililitros do alimento que pode ser consumido para promover uma alimentação mais balanceada.

2- Medida caseira: é o equivalente a porção em medidas mais práticas. Exemplo: fatias, unidades, colher de sopa, xícara e etc.

3- Valor energético: é a quantidade total de energia que contém em uma porção. É o resultado da energia proveniente dos carboidratos, proteínas e gorduras.

4- Carboidratos: têm a principal função de fornecer energia ao organismo. Está presente no açúcar e outros doces, farinhas, arroz, massas, etc. Os rótulos apresentam logo abaixo dos carboidratos, quanto se refere a açúcar. Dica para os intolerantes à lactose: Se o produto não tem carboidrato, não tem lactose. Isso porque a lactose é um carboidrato, ou seja, é o açúcar do leite. Logo, todo queijo sem carboidrato é queijo sem lactose.

5- Proteínas: presentes nas leguminosas (feijões e outros grãos), ovos, carnes, leite e derivados, participam na construção e manutenção das células e órgãos.

6- Gorduras totais: o valor mostrado neste item refere-se a todas as gorduras presentes no alimento, de origem animal e vegetal.

7- Gorduras saturadas: gordura proveniente essencialmente de alimentos de origem animal, como os diversos tipos de carnes, leites e produtos derivados. O excesso de ingestão dessa gordura pode aumentar os riscos de doenças cardiovasculares.

8- Gorduras trans: tipo de gordura muito encontrada nos alimentos industrializados, como os biscoitos, salgadinhos, margarinas, gordura hidrogenada, entre outros. O excesso dessa gordura também traz riscos à saúde do coração. Exclua da sua dieta alimentos que contenham esse tipo de gordura! Também pode ser chamada de gordura hidrogenada.

9- Fibras: elas são importantíssimas para o equilíbrio metabólico. Elas têm a capacidade de retardar a absorção da glicose e, assim, de diminuir o índice glicêmico dos alimentos. Isso dá saciedade! As fibras ajudam também no funcionamento intestinal e diminuem a absorção de gordura pelo organismo. Logo, uma boa quantidade de fibras no alimento é bastante interessante, especialmente em alimentos com carboidrato. A quantidade diária de fibras que devemos ingerir deve ser em média de 25 a 30 gramas.

10- Sódio: principal fonte conhecida desse elemento é o sal de cozinha, também podendo ser encontrado nos alimentos industrializados em altas doses. A OMS recomenda que a ingestão de sódio seja menor que 2000mg de sódio por dia.

11- %VD (Percentual de Valores Diários): é um percentual de nutrientes e energia apresentado pelo produto em relação à dieta de 2000 kcal ou 8400 kJ.

Esses são os principais pontos a se analisar em um rótulo. É importante saber em que cada alimento é rico para poder interpretar a sua tabela e distribuição nutricional. Fique sempre atento para conseguir realizar boas escolhas na hora do mercado.

Espero ter ajudado mais uma vez! Ah, e lembrem-se, no nosso programa da Nutrinha, um das consultas, nossa nutricionista vai ao supermercado com você pra te ajudar a escolher os melhores produtos e te faz entender ainda mais como entender rótulos e como decidir seus alimentos a partir disso. Vejam mais sobre nosso programa aqui: http://eagoranutrinha.com.br/programa

Contem sempre comigo!

Siga

  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

​© 2019 E AGORA, NUNTRINHA? - PORTO ALEGRE, RS l BRASIL